O Sexo Frágil



Mulheres não são peitos e bundas. Mulheres são curvas, conteúdos. Anjos ou demônios, a visão do paraíso é o seu sorriso a lhes bailar nos lábios quando as cortejamos. Seu corpo que lateja sob as roupas não distingue o tecido delas: vestem-se de amor. Toda mulher deseja um homem que a entenda, atinja o ponto G de sua alma: toda mulher deseja o impossível. Diante de seus abismos às vezes nos acovardamos. Toda mulher é uma heroína, pois carrega o peso histórico de ser mais fraca e sensível. Toda mulher é uma selva desejosa de ser descoberta pelas mãos e explorada pela boca de seu desbravador.

 

Anúncios
por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s