deus

deus. um tema clássico. falar sobre isso recai sobre as 3 fases da crença humana: ateu, agnóstico e crente. já  passei pelas 3 e posso falar sobre o assunto com propriedade. nasci ateu. o conceito de deus nunca me passou pela cabeça. Com 7 anos minha mãe entrou numa de virar crente. nessa idade a gente não tem voz nem vez. e lá tinha eu que ir pro culto, um martírio. escutar o pastor contar aquelas histórias absurdas. dez anos mais tarde acabei me tornando agnóstico. numa conversa com alguém eu disse: vc não pode provar que deus existe. e o cara me disse: e vc não pode provar que deus não existe. realmente eu tinha evidências mas não provas. o tempo passou e eu fiquei na merda. qual a primeira coisa que se faz quando se está na merda? saber se deus existia ou não tornou-se uma obsessão. comecei a estudar física. e a física me trouxe a resposta: deus existe. mas também trouxe um conhecimento adicional: deus está cagando e andando para o ser humano. hoje procuro não pensar muito sobre o assunto pois sei que não vai dar em nada. algumas coisas porém me incomodam. por exemplo o holocausto. se deus se incomodasse com a raça humana teria havido o holocausto? o que ele fez a não ser assistir a chacina? esta é a grande mágoa que trago de deus. outra coisa: ele não gosta de viver eternamente? por que nega isso aos seres humanos? ele não envelhece. por que nos condena à velhice? ele não fica doente. por que nós temos que passar por isso? ele não precisa de dinheiro. por  que nós temos que dedicar nossa vida a ganhar dinheiro para sobreviver?

sonhar-com-deus

deus ex machina

li na wikipédia dia desses:

apesar de convencionar-se a consolidação da religião no período neolítico, a arqueologia registra que no paleolítico houve uma religião primitiva baseada no culto à mulher e à idealização da deusa mãe, ao feminino e a associação desta ao poder de dar a vida. foram descobertas, no abrigo de rochas cro-magnon em les eyzies, conchas cauris, descritas como “o portal por onde uma criança vem ao mundo” e cobertas por um pigmento de cor ocre vermelho, que simbolizava o sangue, e que estavam intimamente ligados ao ritual de adoração às estatuetas femininas; escavações apresentaram que estas estatuetas, as chamadas vênus neolíticas eram encontradas muitas vezes numa posição central, em oposição aos símbolos masculinos localizados em posições periféricas ou ladeando as estatuetas femininas.

segundo o livro “breve história do mito”, os neandertalenses, espécie extinta que habitava o planeta no período pleistoceno superior –entre 700.000 e 10.000 anos atrás–, eram capazes de criar mitos. essa capacidade pode ser comprovada por seus rituais fúnebres.

foram encontrados vários sítios em cavernas na europa. contendo pinturas notáveis e outros trabalhos de arte que datam do período de frio intenso entre 25,000-14,000 anos atrás. as pinturas da caverna de lascoux na frança estão espalhadas por uma área de centenas de metros, e distantes das áreas habitadas do complexo da caverna. são indícios que tais representações artísticas teriam um caráter de culto religioso.

e pensei cá com os meus botôes: se o cro-magnon e o neanderthal acreditavam em deus, do que isto lhes serviu? desapareceram e sequer história deixaram.

hsspinturas4

 

estado laico

crucifixos em tribunais de justiça, imagens de santos em delegacias de polícia, feriados religiosos, evangélicos vetando o kit gay do mec, “deus seja louvado” nas notas de reais. cresci acreditando que o brazil era um estado laico, garantia essa dada pela constituição de 88.

dicas do macedão

o rapaz que deseja fazer a obra de deus não deve se casar com uma moça que tenha idade superior à dele, a diferença não deve ultrapassar dois anos.

quando a mulher tem idade superior à do seu marido, ela, que por natureza já tem o instinto de ser mandona, acaba por se colocar no lugar da mãe.

e o pior não é isto. quando ela chega à meia-idade a experiência tem mostrado que é muito mais difícil, manter a fidelidade conjugal.

não haveria nenhum problema para o homem de deus se casar com uma mulher de raça diferente da dele, não fossem os problemas da discriminação que seus filhos poderão enfrentar nas sociedades racistas deste mundo louco.

é preciso que ambos estejam conscientes quanto aos riscos de traumas ou complexos que as crianças poderão absorver durante os períodos escolares, e, a partir daí, carregarem-nos por toda a vida.

(*) texto retirado do livro “o perfil do homem de deus”, do bispo edir macedo

 

curiosidades católicas

a palavra católico se origina do grego katholikós que significa universal. esta palavra não aparece na bíblia, ao se referir à igreja que é uma palavra de origem grega escolhida pelos autores da Septuaginta (uma tradução da Bíblia) para traduzir o termo hebraico, usado entre os judeus para designar  assembleia .

é através do batismo de crianças recém nascidas que o catolicismo encontrou um meio de agregar as massas à igreja de roma como um tipo de iniciação religiosa. restringiram vários serviços prestados como casamento, missas especiais, comunhão, etc, para aqueles que não fossem batizados. o batismo bíblico, no entanto, representa um sinal de arrependimento. joão o batista batizava aqueles que estavam arrependidos dos seus pecados .uma criança recém nascida não tem condições de se arrepender de nada.

com medo que o povo começasse a ler a bíblia e começasse a questionar, o papa pio ix, nos anos 1846-74, disse: “a leitura da bíblia é um veneno!” em 1864 confirmou sua posição dizendo: “a propagação da bíblia é uma peste!”

o papa leão i, no ano 440 escreveu: “resistir à minha autoridade é ir direto para o inferno”.

o papa estevão ii, nos anos 741-752 manipulou o exército a conquistar territórios na itália e doá-los à igreja. passou-se a negociar o perdão de pecados mediante indulgências.

o papa joão xxiii, no ano 1410, cobrava impostos dos prostíbulos.

o papa leão x, em 1518 disse: “ao som de cada moeda que cai neste cofre uma alma desprega do purgatório e voa para o paraíso”.

os confessionários foram inventados para descobrir e informar às autoridades o pensamento político dos generais, mediante a confissão de suas esposas.

o vaticano se tornou a corte mais suntuosa da europa, possuindo bancos próprios, edifícios e fazendas.

as mesmas imagens dos santos nas igrejas católicas são encontrados em casas de umbanda e candomblé .

o papa pio ix, em 1869, se auto decretou, infalível.

o papa nicolau v, nos anos 1447-55, autorizou o rei de portugal a guerrear com povos africanos, confiscar suas terras e fazer escravos. dizia: ” cristo mandou pedro embainhar a espada, mas eu mando desembainhar”.

santo afonso leguori disse: “se alguém roubar pouco, principalmente se for pobre não comete pecado” .

chacinas comandadas pela igreja:

em 1208 exterminaram os cristãos albigênses.

-o frade torquemada nos anos 1420-98, comandou a morte de 10.200 protestantes e intelectuais que foram queimados vivos.

carlos v, nos anos 1500-58, eliminou por ordem do papa 50 mil cristãos alemães.

-o papa pio v, nos anos 1566-72, exterminou 100 mil anabaptistas.

-o papa gregório xiii, nos anos 1572-85, organizou o extermínio dos protestantes franceses e na noite de 24 de agosto de 1572 mataram 70 mil deles. esse papa comemorou mandando que as igrejas cantassem o te deun  e também cunhou moedas comemorativas ao massacre.

-em 1590 o catolicismo eliminou aproximadamente 200 mil cristãos huguenotes.

-o monarca alemão fernando ii, nos anos 1618-48, começou uma guerra de extermínio aos protestantes tirando a vida de 15 milhões de pessoas.

– na idade média, entre 500 e 1700, a inquisição queimou vivos milhões de não católicos.

papa joão xi era filho ilegítimo de marózia, amante do papa sérgio iii.

o papa joão xii, no ano 955, foi morto pelo marido da mulher que era sua amante.

o papa inocêncio viii, nos anos 1484 -92, teve 16 filhos com mulheres casadas.

o papa alexandre vi, nos anos 1492-1503,  teve filhos ilegítimos e foi amante de sua própria filha lucrécia bórgia; também foi amante da irmã de um cardeal, que se tornou o papa seguinte, pio iii, em 1503.

o papa leão x, nos anos 1513-21, comprou sua posição na igreja. com 8 anos de idade já era arcebispo e com 13 cardeal.

o papa gregório vii, nos anos 1703-85, ordenou que se esvaziasse um aquário num convento de monjas em roma onde foram encontrados 6 mil esqueletos de bebês. diante desse horror esse papa aboliu o celibato, mas seus sucessores restabeleceram-no. noutro convento em niuberg, áustria, foram desenterrados 20 potes de barro com esqueletos de recém-nascidos.

o papa pio iv redigiu uma bula pedindo que todas as mulheres assediadas pelos padres apresentassem acusação; os casos foram tantos só em sevilla, espanha, que os processos foram suspensos.

atualmente não são poucos os casos de pedofilia envolvendo padres católicos.

a imagem da aparecida não é reconhecida pelo vaticano.  a fundação aparecida porém é um negócio lucrativo para o vaticano: possui hotel, 4 restaurantes, 80 lojas, uma fábrica de velas, estação de rádio, etc. esse complexo rende 4 vezes o orçamento do município.

a reza “ave maria” vem do ano 1317, foi escrita e difundida pelo papa joão xxii. a palavra ave era saudação dos romanos ao seu imperador nas arenas.

maria, após jesus teve outros filhos, embora tenha perdido a condição de virgem, mantem o título até hoje.

com o início ao movimento protestante, o catolicismo vem mudando a sua rotina litúrgica. surgiu o movimento carismático, um segmento dentro do catolicismo, que tem ganhado espaço mediante sua semelhança com a prática evangélica.

por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

constantino

o imperador romano constantino (272-337) desejava um império forte e unido. viu que para manter o seu domínio sobre o povo e estabelecer uma ditadura religiosa, as autoridades eclesiásticas precisavam estar ao seu lado. misturando as divindades arcaicas orientais com as antigas histórias de moisés, elias e isaías, foram criados os símbolos da nova igreja. assimilaram-se as práticas do paganismo mais convenientes(como o culto ao deus sol), em paralelo, todas as filosofias contrárias aos interesses do império foram suprimidas.

a decadência que se tinha alastrado estava agora a corromper o império. roma tinha sido até então bem sucedida em silenciar protestos populares. os cristãos, porém, não eram permeáveis a ameaças: não tinham medo da morte, não eram tentados por suborno, e continuavam a aumentar.

constantino decidiu capitalizar a situação concedeu paz aos cristãos em 313.
em 323, declara oficialmente o cristianismo como a religião do império romano. mas a controvérsia que havia entre os seus bispos podia constituir uma ameaça e ser um impedimento à unidade do império. constantino viu nesta conjuntura uma oportunidade para utilizar a religião como forma de controlar a população. a nova religião foi uma mistura confusa das ideologias dos vários grupos cristãos e pagãos, para permitir a difusão desejada.

o concílio de niceia, em 325, foi realizado com o fim de fabricar e consolidar a teologia de uma nova religião concebida para o fácil controle das populações. foram criados os fundamentos da teologia da nova igreja, alicerçados na deificação de jesus, bem como na escolha dos evangelhos que, que teriam chegado a ser mais de 300 e foram reduzidos para somente 4(os demais foram erradicados e considerados apócrifos) e a doutrina da trindade. quem discordou, foi perseguido e exilado.

constantino estendia e reforçava o seu poder político, garantindo também que, como imperador defensor da igreja, se revestia ele próprio de uma manto divino. a igreja impunha que “fora da igreja não há salvação”, evitando focos de dissidência.

a política do império romano foi lentamente assimilada na igreja, sendo formulada uma religião totalitária com o nome de catolicismo romano. constantino tomou para si o título de sumo pontífice, podendo desta forma ser considerado o primeiro papa. até então não existia o papado, apenas bispos que mais tarde a igreja convencionou como papas.

desta forma foi criada a igreja católica, jesus se tornou deus e constantino conseguiu unificar o império, se mantendo no poder. após a sua morte recebeu o título de 13º apóstolo.

cristograma de constantino utilizado até hoje pela igreja católica

por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

salvação

aquele que crer e aceitar jesus como seu salvador será salvo, dizem. dizem que a salvação e um ato incondicional. paulo escreveu: pela graça sois salvos , por meio da fé, e isto não vem de vós; é dom de deus, não vem das obras , para que ninguém se glorie. a salvação não seria um prêmio que recebemos por causa de nosso comportamento, mas um presente que recebemos por causa da graça de deus. a salvação não seria condicional nem por mérito. nos seria concedida por misericórdia de deus e jesus e seu sacrifício na cruz.

imagina se você tenta fazer tudo curtinho, é uma boa esposa e mãe, é caridosa, busca ser um exemplo de bondade e amor para todos. e no final das contas quando vc morre vai para o mesmo lugar daquele que roubou, matou, violentou e usou seu tempo para fazer o mal.

tá na bíblia:

eclesiastes 2.16   Ninguém lembra para sempre dos sábios, como ninguém lembra dos tolos. No futuro todos nós seremos esquecidos. Todos morreremos, tanto os sábios como os tolos.

eclesiastes 3.19   No fim das contas, o mesmo que acontece com as pessoas acontece com os animais. Tanto as pessoas como os animais morrem. O ser humano não leva nenhuma vantagem sobre o animal, pois os dois têm de respirar para viver. Como se vê, tudo é ilusão.

eclesiastes 9.5   Sim, os vivos sabem que vão morrer, mas os mortos não sabem nada. Eles não vão receber mais nada e estão completamente esquecidos.

eclesiastes 2.15   Aí eu pensei assim: “O que acontece com os tolos vai acontecer comigo também. Então, o que é que eu ganhei sendo tão sábio?” E respondi: “Não ganhei nada!”

eclesiastes 1.4   Pessoas nascem, pessoas morrem, mas o mundo continua sempre o mesmo.

 

esse negócio de salvação eu nunca consegui entender. salvar-se de quê? já nascemos com dívida? só se for a dívida externa. mas nem disso somos responsáveis. até onde eu sei , da vida ninguém escapa com vida.

por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

santos católicos

papa bonifácio vii

estrangulou com as próprias mãos bento vi em 974. expulso de roma, voltou quatro anos depois e ainda depôs bento vii

são longuinho

era um militar romano, cássio o seu nome, ele acompanhou a execução de jesus e perfurou com a lança o abdome de cristo, para se certificar da sua morte.

são sebastião

no século 3, foi um militar que perseguia cristãos

papa alexandre vi

eleito papa em 1492, tinha duas amantes oficiais. teve pelo menos sete filhos e as más línguas dizem que ele praticava incesto com uma delas, lucrécia bórgia.

santa margarida de cortona

era concubina de um nobre italiano no século 13

santa maria, a egípcia

era prostituta em alexandria, no egito, no século 4

são camilo de lellis

no século 16, na itália, acabou na miséria por causa da jogatina e virou mendigo

são nuno

foi um guerreiro conhecido por matar vizinhos do reino de castela, defendendo portugal

 São Cipriano

nasceu na cidade de antioquia no fim do século 3. estudou magia, alquimia, ocultismo, astrologia e cartomancia. especializou-se em todo tipo de artes mágicas, em usá-las para causar o mal. tentou seduzir a jovem Justina e diante do fora que levou de justina, passou a invadir seus aposentos, noite após noite, para forçá-la a ficar com ele por fim desistiu e decidiu se vingar. espalhou boatos maldosos sobre justina e realizou feitiços contra a família dela.

por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

curiosidade bíblica

herodes era o governador da judéia na época em que jesus cristo teria nascido. ao receber a notícia de que o messias teria vindo ao mundo , herodes preferiu cortar o problema pela raiz antes que o tal salvador se transformasse em um problema para ele. foi então que ordenou que seus guardas matassem todos os meninos com menos de 2 anos que encontrassem na cidade de belém .  supondo que o massacre dos bebês tenha realmente acontecido, alguns historiadores tentam calcular qual seria a dimensão desse crime. o americano raymond brown, autor do livro o nascimento do messias, estima que a vila de belém tinha cerca de mil habitantes na época e cerca de 20 crianças se enquadravam nas características do menino jesus, que, graças a um anjo, escapou da degola. durante um sonho, o tal anjo cantou a pedra para josé, que,  pegou maria e o menino jesus e se mandou para o egito. em 2003, segundo o ministério da saúde, 888 meninos com menos de 1 ano morreram na cidade de são paulo: em um ano, sem nenhuma catástrofe, morreram 44 vezes mais crianças do que na chacina de herodes.

por jardim Postado em Sem categoria Com a tag