BEATITUDE

terminei hoje a leitura de on the road, bíblia da geração beat. escrito por jack kerouac (1922-1969) ,  publicado em 1957, o livro conta as viagens do autor e seu amigo neal cassady pelos eua e méxico. mais q isso é um relato do lado sombrio do sonho americano. o texto flui num ritmo alucinante ( o cara se trancou em casa e movido a anfetamina escreveu o livro em 3 semanas) e lírico. é poesia em alta velocidade.

 a geração beat, surgida nos anos do pós guerra e presente nos anos 50 em pouco diferia dos seus sucessores, os hippies. enqto a prioridade dos hippies era sexo drogas e rock’n’roll , a dos beatniks era sexo drogas e jazz. tb as drogas usadas eram praticamente as mesmas. além de álcool, maconha, morfina/heroína e anfetamina, os hippies popularizaram o consumo de ácido. no visual os beatniks não tinham um modelito marcante, geralmente eram cool ou cool-chic.  já os hippies deixaram sua marca nos cabelos e nas roupas extravagantes. havia também a tribo dos hipsters, que eram beatniks sem lastro cultural, com visual desleixado nas roupas e cabelos, o termo gerou a palavra hippie na década seguinte.  o movimento beatnik não seduziu um percentual de jovens tão grande qto o movimento hippie, talvez devido a precariedade de um veículo de mídia de massa em sua época. a TV começou gradualmente a fazer parte dos lares  americanos a partir dos anos 50 porém no final dos anos 60 praticamente todas as casas já possuíam uma. enqto os mentores da geração beat eram escritores e poetas, para os hippies os formadores de opinião eram músicos. os filhos dos beatniks se tornaram hippies e muitos beatniks embora já quarentões se tornaram hippies tb.

 além de jack kerouac,  morto aos 47 anos de cirrose, fizeram parte da santíssima trindade da geração beat: o poeta Allen Ginsberg (1926-1997) e o escritor William S. Burroughs, curiosamente, o primeiro beatnik a nascer (1914), o que mais consumiu droga (fez isso até o fim de sua vida) e tb o último a morrer, em 1997, aos 83 anos de idade. 

 

Jack Kerouac, Allen Ginsberg e William S. Burroughs (o 2º, 3º e 4º, em uma foto de 1944. O 1º é Lucien Carr, um amigo do grupo)

 

o livro pode ser downloadeado no skydrive

Anúncios
por jardim Postado em Sem categoria Com a tag

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s